O firme propósito de não pecar
2012-07-20 15:36:54
2012-03-20 01:09:01
Autor: Sony Santos
http://gigawiki.com/sony/o-firme-proposito-de-nao-pecar
Permalink: http://gigawiki.com/2847
assunto = não-pecar, pecado, religião; categ = artigos, list
Quaresma, tempo em que nós, católicos, nos empenhamos ainda mais em refletir sobre nossa conduta e nos reconverter.

Quando reconhecemos os nossos pecados e nos arrependemos, poderemos alcançar o perdão de Deus pela confissão.

O arrependimento deve ser sincero, sentido no coração, e na confissão fazemos o voto, o firme propósito de não mais pecar.

Mas o "firme propósito" não são palavras bonitas, ou teóricas. O que é o "firme propósito" na prática?

É a decisão de não mais pecar:
- não importa o que eu encontrar pela frente;
- não importa a situação em que eu venha me encontrar;
- não importa se alguém fizer alguma coisa que me afete de alguma forma;
- não importa se tem alguém vendo ou não;
- não importam as oportunidades de pecar que surgirem em minha vida.

Porque, muitas vezes, não concretizamos, em nossos pensamentos, o significado de "firme propósito", e acabamos fazendo (inconscientemente, até) um "voto condicional": "Eu não quero mais pecar, mas se tal coisa acontecer, aí eu não me seguro!..." Isso não é "firme propósito"! Ficam algumas possibilidades em aberto, que, por muitas vezes, nos levam a desacreditar de nós mesmos, a desanimar da caminhada, duvidando de que podemos vencer as tentações, esquecendo que Deus nos ampara e nos dá forças quando as buscamos nEle. Rebaixamos nossa autoestima e autoconfiança, e pensamos não ter mais solução. Tudo por causa de possibilidades que nós mesmos deixamos em aberto ao pensar "eu não vou pecar, desde que não me aconteça tal coisa..."

E, às vezes, lá no fundo, pode ainda existir uma torcida escondida repetindo: "tomara que aconteça, tomara que aconteça... pra eu poder pecar". E isso não é "não querer pecar"!

Quando nos damos conta do verdadeiro significado do "firme propósito", percebemos que não existe situação no mundo que possa nos abrir uma concessão para pecar. Aí as possibilidades para o pecado se fecham. "Não vou pecar não importa o que aconteça em minha vida, não importa o que apareça diante dos meus olhos." Não há um "vazamentinho aqui" ou uma "exceçãozinha lá". Aí sabemos que não vamos pecar. E passamos a nem pensar muito mais no assunto, no pecado, nas "torcidas ocultas", no medo de fraquejarmos. Simplesmente enxergamos, em todas as instâncias de nosso ser, que o pecado não vai acontecer, assunto encerrado. Aliviamos nossa carga emocional, eliminamos um dilema em nossa vida, favorecemos nossa paz interior, e aproveitamos nosso tempo e criatividade com coisas mais úteis.

Pense assim: "Mesmo que aconteça tal coisa, eu não vou pecar!"

"Dai-me de novo um espírito decidido!" - Sl 50 (51), 12b


blog comments powered by Disqus
Login:
Senha:
Para logar, você precisa ter o Javascript habilitado.